Moto Dica Pilotagem, motocicletas e afins

28jun/110

Viseiras Anti-risco

Posted by Rafael Sahb

No topo, para controle, um facho de luz fotografado diretamente. No meio, o mesmo facho de luz fotografado através de uma viseira anti-risco. Embaixo, uma viseira sem tratamento anti-risco, após apenas alguns meses de uso. Note como o facho de luz se dispersa e toma bem mais o campo de visão.

Você sabe o que é uma viseira anti-risco e qual seu real benefício? Neste post discutiremos esta questão que desperta dúvidas em muitos motociclistas.

A visão é muito importante para o motociclista. Diversos fatores podem influir negativamente neste sentido e podem levar a acidentes. Viseiras muito arranhadas são um dos fatores que mais contribuem para a redução da visão do piloto.

Após algum tempo de uso as viseiras comuns começam a dificultar a visão a noite, pois deixam uma espécie de "aura" borrada ao redor das luzes que são avistadas. Um farol de um carro no sentido contrário pode impossibilitar a visão de elementos próximos a ele, como buracos ou até outros veículos. Em casos extremos a viseira pode se tornar inútil até durante o dia. Até realizar a troca, o motociclista pode ser obrigado a andar com a viseira aberta, pratica esta que caracteriza infração de transito e um grande problema de segurança.

Este processo de deterioração da viseira é causado pelos milhares de riscos minúsculos causados pelo atrito do plástico com materiais diversos (tecidos, couros, superfícies rígidas em geral, entre outros). Ao lavar sua viseira com uma esponja macia você já estará causando esses pequenos arranhões. Até mesmo ao passar a mão sobre uma viseira com sujeira os riscos já aparecem.

Este problema praticamente não existe nas viseiras denominadas anti-risco. Elas são feitas de materiais que não são arranhados com facilidade (em geral, policarbonato cobertos com verniz anti-risco). É um exagero dizer que as mesmas não riscam, porém elas só são riscadas por fortes choques ou objetos pontiagudos.

Não são todos os capacetes que oferecem em sua linha a opção de viseiras anti-risco. Se o seu capacete não suporta nenhum modelo anti-risco, é um sinal que ele pode não ser seguro o suficiente em outros aspectos também. Considere trocar de capacete nesse caso, procurando sempre capacetes com selo do INMETRO (mesmo assim terão alguns sem opção de viseiras anti-risco). As viseiras anti-risco possuem preços mais elevados. Porém, mesmo que mais baratas, as viseiras comuns exigem gasto constante com substituições. Portanto a longo prazo o preço da viseira anti-risco sairá mais em conta.anti-risco sairá mais em conta.

Para capacetes estilo off-road, que demandam o uso de óculos, existem linhas dos mesmos que também possuem  com tratamento anti-risco.

O tema viseiras pode ser estendido em vários aspectos, porém nossa intenção neste post é sensibilizar os motociclistas sobre esse aspecto em especial, que é um dos mais importantes (se não o mais) do assunto. Em posts futuros discutiremos mais sobre a proteção para os olhos, falando sobre os diversos tratamentos que a viseira pode receber, como anti-uv ou anti-embaçante.

   

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.